O estranho interesse pelo PR-SOM LJ-1809, em 03/01/2017

Boulos preso no blog.menor
Pedro Aleixo, em 1968, tinha razão!
19 de janeiro de 2017
Tanques de guerra subiram no Vidigal em 2011
Temerosa trapalhada
21 de janeiro de 2017
A estranha visualização da aeronave acidentada em um único dia.

A estranha visualização da aeronave acidentada em um único dia.

Marcelo Auler (*) / Chico Malfitani

O alerta de Chico Malfitani na noite de quinta-feira.

O alerta de Chico Malfitani na noite de quinta-feira.

Não sou adepto da teoria da conspiração, embora entenda que no jornalismo sempre devemos desconfiar de tudo e de todos, fazendo o papel de advogado do diabo. Por tudo que li, ouvi e vi na TV e na Internet, a queda do bimotor PR-SOM LJ-1809 – que estava em perfeita ordem, como prova a ficha técnica da aeronave – deve sim ter sido um acidente, causado pela pouca visibilidade e por alguma manobra mais brusca do experiente piloto, Osmar Rodrigues, 56 anos, há mais de 20 fazendo a mesma rota. Testemunhas falam que ele deu uma guinada de 180º e que a ponta da asa tocou no mar. Ou seja, tudo indica que a morte do ministro do STF, Teori Zavascki, relator da Lava Jato, foi sim uma fatalidade.

Nestas horas, porém, como de hábito, tudo deve levantar suspeitas para depois elas serem ou não afastadas. A maior delas veio às redes sociais pelo jornalista Chico Malfitani, de São Paulo, na noite da mesma quinta-feira em que ocorreu o acidente, a partir de dados que lhes foram repassados por uma fonte. O site que mostrava o avião e sua ficha técnica teve uma alta visualização em um único dia: 1.885.

Recado do filho do ministro Teori Zavascki, Francisco, em maio passado.

Recado do filho do ministro Teori Zavascki, Francisco, em maio passado.

Também pode não significar nada, mas vale registrar que o filho de Teori, o advogado Francisco Zavascki, em maio passado postou na sua página do Face Book um alerta, depois retirado, mas que chegou a ser reproduzido pelo Estadão, à época (veja ao lado)”. Em seguida reproduziu sua postagem de maio passado quando alertou para possíveis atentados contra o pai.

Tudo isso reforça apenas a necessidade de uma investigação detalhada e, acima de tudo, transparente. Não chega a ser notícia de destaque dizer que a Polícia Federal e o Ministério Público Federal abriram investigações a respeito. É obrigação desses dois órgãos públicos, assim como do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos – CENIPA, a chamada perícia técnica da Força Aérea Brasileira – FAB. O interessante é saber que a presidente do Supremo Tribunal Federal, ministra Carmem Lúcia, designou dos servidores daquela corte para acompanharem este trabalho. Não seria o caso de também colocar como observador um representante da OAB?

mosaico do acidente1A aeronave que decolou do Campo de Marte (SP), é de propriedade da empresa Emiliano Empreendimento e Participações Hoteleiras Sociedade Ltda., (que administra os hotéis Emiliano, em São Paulo e no Rio).

A ficha técnica da aeronave, adquirida pela Emiliano Empreendimento e Participações em novembro de 2015, estava em perfeita ordem. O certificado de aeronavegabilidade era válido até abril de 1922 e a Inspeção Anual de Manutenção estava válida até o próximo mês de abril. O avião poderia transportar 4581 quilos e, no máximo, sete passageiros.

A Emiliano Empreendimento e Participações é uma sociedade familiar, encabeçada pelo pai, Carlos Alberto – que morreu no acidente – e por seus quatro filhos – Carlos Emiliano, Carlos Gustavo, Carlos Alberto e Carolina Alessandra- todos com sobrenome Guerra Filgueiras. Carlos Emiliano é um advogado com um famoso escritório em São Paulo.

ficha tecnica do aviiãoA empresa, pelos registros da Junta Comercial de São Paulo, também tem entre seus interesses o “comércio varejista de cosméticos, produtos de perfumaria e de higiene pessoal e ainda restaurantes e similares e atividades de consultoria em gestão empresarial, exceto consultoria técnica específica”, Mas ela também pretendia construir um Resort em Paraty e por conta disso envolveu-se em pendenga judicial, acusada de crimes ambientais, como na quinta-feira à noite divulgou Fernando Brito, em seu site,  Tijolaço: Amigo que levava Teori a Parati era réu no STF.

No que pese a ficha técnica do avião estar perfeita, como mostramos abaixo. Mas, a misteriosa descoberta de Malfitani passa a ser intrigante. Principalmente tendo-se em conta que a aeronave, como mostram os dados ao lado, foi transferida para a empresa familiar de Carlos Alberto em outubro de 2016. Portanto, dificilmente estaria à venda, para justificar o alto número de visualizações registrado na página da internet onde estão seus dados técnicos:  http://www.jetphotos.net/showphotos.php?regsearch=PR-SOM (…) (veja ilustração abaixo).

numrto de visualizações da aeronave.reduzido

O mais curioso é que o alto número de visualizações – 3,7 vezes mais do que todas as visualizações anteriores – ocorreu em um único dia, 03 de janeiro passado, uma terça-feira. O proprietário do domínio deste site é Fredrik Lindahl. Ele é CEO da Flightradar24 AB | MBA. O servidor está ativo e hospedado nos Estados Unidos e pode muito bem identificar que IPs visitaram a página do avião, esta quantidade de vezes.

Naqueles dias, aparentemente, nenhuma novidade ocorreu nas investigações da Lava Jato. Os jornais estavam mais voltados para as posses dos novos prefeitos e a rebelião que estourou na penitenciária de Manaus (AM), dando início à grave crise no sistema penitenciário. Ou seja, aparentemente, nada que relacione este alto número de visualizações ao noticiário da Lava Jato naqueles dias. O motivo deste interesse tão alto torna-se portando um mistério.

Por isso, ganha importância a fala do filho de Zavascki, Francisco, hoje à Rádio Estadão.

“É preciso investigar a fundo e saber se foi acidente ou não, que a verdade venha à tona seja ela qual for”, afirmou, para, em seguida, acrescentar:.

“Ainda não parei para pensar, não deu tempo para pensar com mais calma nisso, mas não podemos descartar qualquer possibilidade. No meu íntimo, eu torço para que tenha sido um acidente, seria muito ruim para o País ter um ministro do Supremo assassinado”, disse.

 “É possível que essa aeronave em particular não tenha caixa preta, pois nossa legislação somente a obriga em aeronaves com mais de 10 passageiros. Contudo, existem outras fontes de dados: pelo Cockpit Voice Recorder… vozes da cabine e pelos dados digitais EGPWS, isso a FAB tem como acessar”.

Mesmo não querendo entrar na paranoia da teoria da conspiração, mas sempre recorrendo ao hábito de questionar fatos e duvidar das versões apressadas, registro abaixo outra postagem que recebi e que circula pelas redes sociais, comas sequência de fastos que podem tornar a morte de Zavascki, algo um pouco mais misterioso. São datas e acontecimentos públicos, apenas foram relacionados de forma a aumentar ainda mais as dúvidas. Não se pretende insinuar nada, mas relembrar acontecimentos públicos e mostrar que a substituição do relator da Lava Jato precisa ser feita com todo o cuidado pela presidente do STF:

LIGUE OS PONTOS

Outubro de 2016
Delação da Odebrecht vaza e atinge cúpulas do PMDB e PSDB, Delação da Odebrecht: Temer e Alckmin . http://brasil.elpais.com/brasil/2016/12/09/politica/1481294723_838386.html

Dezembro de 2016
Relator da Lava Jato, ministro do STF Teori Zavascki, deve homologar delação da Odebrecht só em março (http://politica.estadao.com.br/blogs/coluna-do-estadao/teori-pode-homologar-delacao-da-odebrecht-so-em-marco/)

Em diálogos gravados, Jucá fala em pacto para deter avanço da Lava Jato http://www1.folha.uol.com.br/poder/2016/05/1774018-em-dialogos-gravados-juca-fala-em-pacto-para-deter-avanco-da-lava-jato.shtml

Parte da conversa:

JUCÁ (Braço direito de Temer) – Eu acho que tem que ter um pacto [pra barrar a lava-jato].

MACHADO – Um caminho é buscar alguém que tem ligação com o Teori [Zavascki, relator da Lava Jato], mas parece que não tem ninguém.

JUCÁ – Não tem. É um cara fechado, foi ela [Dilma] que botou, um cara… Burocrata da porra.

Janeiro de 2017
Equipe de Teori no STF não tirou férias para analisar delação da Odebrecht http://oglobo.globo.com/brasil/equipe-de-teori-no-stf-nao-tirou-ferias-para-analisar-delacao-da-odebrecht-20768341

18 de Janeiro de 2017
Teori interrompe férias para analisar delação da Odebrecht http://oglobo.globo.com/brasil/teori-interrompe-ferias-para-analisar-delacao-da-odebrecht-20793664

Delator da Odebrecht cita Temer, Renan, Maia e mais de 20 políticos http://www1.folha.uol.com.br/poder/2016/12/1840131-odebrecht-levou-dinheiro-a-escritorio-de-amigo-de-temer-diz-delator.shtml

Odebrecht diz que repassou R$ 10 mi a pedido de Temer http://politica.estadao.com.br/noticias/geral,odebrecht-diz-que-repassou-r-10-mi-a-pedido-de-temer,10000067461

19 de JANEIRO DE 2019.
TEORI MORRE EM QUEDA DE AVIÃO.

CONSTITUIÇÃO FEDERAL:

Parágrafo único. Os Ministros do Supremo Tribunal Federal serão nomeados pelo Presidente da República […]

REGIMENTO INTERNO DO STF:

Art. 38. O Relator é substituído:

IV – em caso de aposentadoria, renúncia ou morte:
a) pelo Ministro nomeado para a sua vaga;
RISTF: art. 4º, § 4º (na Turma) – § 2º do art. 68 (redistribuição em HC).

(*) UM ESCLARECIMENTO E UM PEDIDO DE DESCULPAS: Alertado por minha amiga e colega de profissão Sylvia Moretzsohn, na minha matéria original coloquei uma postagem que informando que teria sido feita pelo filho do ministro, Francisco: Eu avisei”;Mas ela me alertou que “O perfil “Francisco prehn Zavascki” que compartilhou a mensagem do filho de Teori, falando da ameaça, é um perfil fake. O post do filho de Teori é o original, mas o perfil que o compartilhou e ainda colocou como título ‘Eu avisei” é falso”. Respaldado nisso, retirei a postagem falsa e deixei apenas a origina.

Publicamente me desculpo a Francisco Zavascki, seus familiares e amigos,  e a todos os leitores. O erro foi totalmente de minha responsabilidade, nada tendo com ele o meu amigo, jornalista Chico Malfitani. Fica aqui meu agradecimento à Sylvia e a renovação do meu pedido de desculpas a todos. (Marcelo Auler)

47 Comentários

  1. […] da Flightradar24 AB | MBA, e está hospedado nos EUA, onde pode-se identificar os IPs de acesso, apurou o jornalista Marcelo Auler. Quem fez essas consultas e por que tanta curiosidade na ficha técnica […]

  2. […] da Flightradar24 AB | MBA, e está hospedado nos EUA, onde pode-se identificar os IPs de acesso, apurou o jornalista Marcelo Auler. Quem fez essas consultas e por que tanta curiosidade na ficha técnica […]

  3. […] da Flightradar24 AB | MBA, e está hospedado nos EUA, onde podem-se identificar os IPs de acesso, apurou o jornalista Marcelo Auler. Quem fez essas consultas e por que tanta curiosidade na ficha técnica […]

    • Pedro disse:

      Por que não há mais notícias sobre o acidente ?
      Quem matou Teori Zavascki ? O destino ?
      Por que não há uma única reportagem investigativa sobre o acidente ? Nenhum órgão de imprensa menciona mais o assunto.
      Marcelo Auler, faça alguma coisa !

  4. […] da Flightradar24 AB | MBA, e está hospedado nos EUA, onde podem-se identificar os IPs de acesso, apurou o jornalista Marcelo Auler. Quem fez essas consultas e por que tanta curiosidade na ficha técnica […]

  5. […] da Flightradar24 AB | MBA, e está hospedado nos EUA, onde podem-se identificar os IPs de acesso, apurou o jornalista Marcelo Auler. Quem fez essas consultas e por que tanta curiosidade na ficha técnica […]

  6. […] da Flightradar24 AB | MBA, e está hospedado nos EUA, onde pode-se identificar os IPs de acesso, apurou o jornalista Marcelo Auler. Quem fez essas consultas e por que tanta curiosidade na ficha técnica […]

  7. Jack disse:

    É uma Teoria .
    Ou existiu e existe uma conspiração?

    A primeira pergunta para responder é : “Qui profit” , alguém lucra? Resposta :Sim e muito.
    A segunda é: Quem lucra teria como cometer o crime? Resposta: Sim.
    A terceira é : Quem lucra, teria melhores condições do que outros suspeitos, para cometer o crime? Resposta :Sim. Muito melhores condições.
    A quarta é: Quanto ao fato, existem condições estranhas no acidente: Resposta : Sim, várias:

    1) Viagem não foi comunicada à segurança do STF
    2) Testemunhas viram fumaça preta ( oleo lubrificante sendo queimado, motor a explosão com vazamento de pressão nos cilindros)
    3) Testemunhas viram avião perdendo altura até bater com a asa na agua )
    4) Julgador de caso bilionário que mandaria à prisão o próprio presidente da republica, morre no acidente;
    5) As acompanhantes eram estranhas ao circulo de relacionamento do julgador, podendo ter servido como incentivo à viagem reservada
    6) O dono do avião era pessoa ligada a membros dos órgãos de informação do período de exceção;
    7) Dono do avião e do hotel , por seu relacionamento com personagens importantes, poderia ter sido convencido a atrair o julgador a um período de relaxamento das pressões do dia a dia ou para receber extra-ofiicialmente e de forma reservada, de algum hospede, alguma informação importante para o julgamento, por exemplo.
    8) As acompanhantes poderiam servir apenas para dar ao fato uma aparência de “fugidinha” do sério julgador, que no momento do embarque, confrontado na hora com a imprevista companhia, apresentada pelo empresário, não teria como dizer “não vou”. E concordado, em viajar assim mesmo, sem saber que ali estaria sendo encoberta como “escapada” uma complexa operação de sua própria eliminação física.
    9) A operação foi preparada poucos dias antes por alguém que acessou a pagina do avião para conhecer as rotas habituais do avião do empresário ( esse tipo de site faz tudo isso tem memória para tanto) e calcular o momento certo onde o aparelho deveria estar para em que algo, até mesmo telecomandado, deveria ocorrer no avião. Como i estranho loop ocorrido com o avião de Eduardo Gomes.
    10) A morte trágica tem efeito emocional muito grande. Principalmente no Brasil.
    11) Além de beneficiar os culpados que “terão mais tempo” como disse um membro da equipe de governo incriminada na ação julgada pelo julgador, a mote trágica pode ter o efeito de promover alguma figura que for colocada publicamente, pela mídia de massa, como “Continuadora” da obra do julgador ou “Vingadora”da sua morte. Como o foi Marina Silva para Eduardo Gomes.

    Marcelo e Malfitanni, é por aí.
    Investigação cooperativa, séria e coletiva e em tempo real!

    Quinta: o fato provoca comoção social: Resposta

    • jack disse:

      Complemento com alguns alertas:

      1) O motor do avião é peça fundamental. Para vazar óleo lubrificante para dentro dos cilindros, passando a queimar junto com o querosene e fazendo fumaça preta é porque a temperatura subiu excessivamente fundindo as camisas e quem sabe até o bloco.
      2) A temperatura pode subir num cilindro por duas razões: ( i ) houve mistura de algum abrasivo ao combustível – normalmente areia ou açúcar ; ( ii ) o circuito hidráulico de resfriamento do bloco do motor foi colocado fora de ação por entupimento ou por seccionamento de uma mangueira externa.
      3) Esses itens seriam suficientes para provar a existência de sabotagem.
      4) As câmeras de TV do aeródromo onde ficou estacionado a aeronave deveriam ter suas imagens verificadas imediatamente pois os trechos podem ser removidos e trocados por outros de outra data, alterando-se as informações visuais de tela quanto à data e hora por edição.
      5) Acontece que a Marinha já disse que não vai içar o navio -“porque é uma operação cara”.
      6) E que os responsáveis devem fazê-lo.
      7) Trocar o motor por outro usado é muito fácil;
      8) Falsificar numero do motor já é um pouco mais dificil,
      9) Mas sem dúvida é uma operação possível, se valer à pena.

      Se eu lembrar mais alguma coisa, eu posto aqui,

      • jack disse:

        Folha deixa percebrer qual é O “Sonho de Consumo” do pessoal do Golpe: Uma rebelião de presos acabar com a delação de Eduardo Cunha e com o próprio. Uma solução assim teria várias vantagens:

        1) Seria um acidente
        2) Seria um “Justiçamento”
        3) Agradaria demais a pobralha e a classe média sedenta de sangue de corrupto…
        4) Seria Panis et Circens

        • jack disse:

          Presos de complexo onde estão estrelas da Lava Jato relatam ‘muito temor’ com rebeliões
          POR PAINEL
          Salve-se quem puder Presos que estão no Complexo Médico Penal de Pinhais — centro que abriga estrelas da Lava Jato, como José Dirceu, Eduardo Cunha e João Vaccari Neto — relatam “muito temor” com a onda de rebeliões em presídios pelo país. A ala onde vive parte dos políticos, lobistas e empresários é contígua a uma em que ficam criminosos comuns, condenados por atos como homicídio ou estupro, por exemplo. Os detentos também têm informação de que há, sim, membros de facções no complexo.

          Entenderam agora porque estão pipocando as rebeliões?
          Já imaginaram a cena?
          Já imaginaram a “limpeza” e o “efeito” nas massas?
          Já imaginaram as bocas ( e gargantas ) que seriam caladas para sempre?

          Duvidam?
          Quem atuava na defensoria do PCC em Sp mesmo?

          • jack disse:

            Voltando ao avião:

            Mangueiras do resfriamento do motor se forem previamente seccionadas, quase cortadas, quando durante o voo poderiam estourar devido à pressão da bomba dágua, fazendo a temperatura subir, o motor fundir , perder potencia e cair.

            Um truque que na estrada não mata ninguém, pois o motorista percebe no painel a temperatura subindo, encosta ao lado da pista e se for do ramo, percebe que a mangueira foi cortada ou está velha e vazando.

            Mas entre São Paulo e Paraty a 3000 m de altitude, não tem acostamento para parar…e o avião caiu.

            Uma pista que nesse momento está no fundo do mar, esperando para ser removida, enquanto a Aeronáutica e a Marinha brigam para saber QUEM NÃO VAI REMOVER O AVIÃO…e o motor na situação em que realmente está.

            Daqui a dois dias quem sabe como estará o motor e as mangueiras é só a PFSDB ( Polícia Federal do Serra e do Doria do Brasil)

  8. Carlos Cleto disse:

    Caro Auler:

    Um amigo que trabalha como controlador de vôo deu-me a seguinte explicação, que passo adiante como a recebi: que o site FlightRadar usa as fotos daquele arquivo enquanto um avião está em vôo.

    De fato, chequei no FlightRadar o avião PR-SOM e a foto de arquivo é exatamente aquela acessada milhares de vezes em 03/01, veja em https://www.flightradar24.com/data/aircraft/pr-som

    Aí, se o PR-SOM voou em 03/01, essa foto teria sido acessada seguidamente pelo próprio site, em cada “refresh” das informações do vôo.

    Abraços,

    Carlos Cleto.

    • Cristiano disse:

      Melhor explicação que eu li a respeito. De qualquer forma acho que isso deixa ainda mais interessante essa história, pq demonstra que alguém acompanhou o vôo apenas 1 vez desde que a foto foi publicado no site.

    • Marcelo Auler disse:

      Bom dia Carlos Cleto e demais leitores
      Agradeço as informações que vocês estão me trazendo e estou tentando trabalhar em cima das mesmas. Confesso minha dificuldade por ser monoglota dinossáurico. Não leio e nem falo inglês.Mas fica uma dúvida ainda. Por que, por conta de um voo, seria necessário acessar 1.885 vezes para acompanhá-lo? Outra questão, o acesso possivelmente aop flightradar, marcaria visualização no site jetphotos.net? Me parece que não faz muito sentido, ou estarei errado? Atenciosamente. Marcelo Auler

  9. Marco disse:

    Mas a foto do aviao PR-SOM que aparece no site,é de um monomotor,e nao um bimotor

    • Cristiano disse:

      Dá um zoom na foto!!

    • Carlos Cleto disse:

      Caro Auler:

      1) “Não leio e nem falo inglês”: Bom, “refresh” é aquilo que ocorre quando uma página de internet se auto-atualiza; ou seja, em cada vez que o FlightRadar posta a informação sobre um vôo, ele coloca a foto e informações básicas do avião, e atualiza os dados relativos ao vôo (distância percorrida, altitude, velocidade, etc).

      2)”Por que, por conta de um voo, seria necessário acessar 1.885 vezes para acompanhá-lo?”: Se o “refresh” for dinâmico, sim. O FlightRadar vai acessar a foto em cada “refresh”, e com isso, mover o contador do JetPhotos. Se você tiver um “refresh” a cada cinco segundos, como me parece ser o caso, serão 12 acessos por minuto, o que equivale a 720 acessos por hora.

      3) “Outra questão, o acesso possivelmente ao flightradar, marcaria visualização no site jetphotos.net?”: Não. Não creio que o acesso ao FlightRadar marque nada no JetPhotos. O que eu quis dizer é que o FlightRadar acessa o JetPhotos continuamente durante o vôo, e faz o contador avançar rapidamente.

      Enfim, a hipótese que levantei depende de um simples fato para ser confirmada ou desmentida: que o PR-SOM tenha feito um vôo de 2 a 3 horas de duração em 03 de Janeiro de 2017.

      Abraços,

      Cleto.

  10. João Paulo Ferreira de Assis disse:

    Tem 26 anos que eu acompanho esses fatos ocasionais e suas consequências. Em Barbacena MG, o rompimento da tubulação de esgoto da rodoviária em 1991, que jogou uma onda de urina e fezes nas hortas dos aposentados que residiam na rua Olga Monteiro de Araújo. Dois aspectos interessantes: Olga era a mãe do prefeito da época, Vicente de Paulo Araújo, e não haver nenhum laudo técnico apontando para a possibilidade de ocorrer o rompimento da tubulação. O prefeito que era bem avaliado, devido à pressão da mídia local e da TV Globo de Juiz de Fora, perdeu o apoio popular. O líder da oposição, que era um vereador Andrada é que lucrou com isso. Em 1992 ele foi eleito prefeito com uma votação que superou a soma dos outros 11 candidatos.

    Daí a minha estranheza toda a vez que acontece um acaso desses. Já observaram que não tem nenhum acaso que beneficie o PT? Todos eles beneficiam a direita. Estranho.

  11. Zeeen disse:

    O mesmo ocorreu com o avião do Agnelli (da vale), que caiu dia 19 de março. nesse caso, houve um pico de acessos no dia 17 de março. Isso foi discussão de um fórum há 10 meses. O site é: https://www.reddit.com/r/brasil/comments/4bofgj/curiosidade_sobre_a_queda_do_avião_de_roger/ não vi ninguém comentando ou explorando esse assunto em jornais. Picos de acesso no dia anterior ao acidente de no máximo um dia podem ser explicadas por fusorario do local do site que hospeda, creio eu. Mas de dois ou mais dias não!

  12. […] Foram informações do jornalista Chico Malfitani repassadas pelo engenheiro da Politécnica USP Leonardo Manzione. Pode não significar nada, mas dentro de um contexto no qual o filho de Teori Zavascki alertava sobre ameaças contra o pai transformasse em anomalia que deveria ser levada em contada numa investigação – clique aqui. […]

  13. Luiz Otávio Rosário disse:

    Hoje só posso repetir que: não creio em bruxas mas que elas existem, existem.

    Creio que a linha de qualquer investigação deve seguir exatamente o oposto das notícias, infográficos, animações e testemunhas apresentadas pela Globo.

  14. Cristiano disse:

    Olhem como o pico se formou com data do dia 20/01.
    https://www.dropbox.com/s/0ubcjcdz4wxu8gz/2017-01-20%2023.50.57.png?dl=0

    Então a data do site parece estar correta. Ainda intrigante!!

  15. marco disse:

    DEJAVOU pc farias

  16. C.Poivre disse:

    Li que esta é a primeira linha de investigação da PF. Se está tudo errado será que a PF finge investigar, já que tem altíssimos interesses em jogo. Ou só investigam de verdade o que lhes interessa? O caso do helicóptero com 450 kg de pasta de cocaína que é de propriedade do filho do Perrela, um golpista de primeira hora, ninguém foi preso, o helicóptero foi liberado para continuar a fazer o que fazia e a cocaína sumiu. Será que foi comprada pelo Mineirinho, um amigão dos Perrela?

  17. raquel x. disse:

    Prezado Marcelo Auler, tenho mais dois fatos para acrescentar na sua lista:

    No dia 16 de janeiro, 03 dias antes da queda do avião, foi publicada uma entrevista que Temer deu à Reuters. Nesta entrevista ele é enfático e seguro ao dizer que “não há a menor possibilidade de a Lava-Jato me atingir”.

    http://jornalggn.com.br/noticia/temer-nao-ha-a-menor-possibilidade-de-a-lava-jato-me-atingir

    O outro são relatos de testemunhas visuais da queda do avião, pescadores que viram como aconteceu.
    Um pescador disse que viu fumaça saindo da asa esquerda do avião antes de perder o controle e começar a fazer manobras bruscas. Era tanta fumaça, segundo o pescador, que parecia um avião da esquadrilha da fumaça. Outro dado que o pescador traz é que estava chovendo na hora do acidente, mas não era uma chuva tão forte. A chuva forte teria começado na hora do resgate. Quem publicou essas informações foi a revista Veja, inclusive com vídeo da fala do pescador.
    http://veja.abril.com.br/brasil/parecia-a-esquadrilha-da-fumaca-diz-homem-que-viu-aviao-cair/

    Aqui, no site da Globo, um garçom informou que o avião ‘saiu da rota, fazendo uma curva brusca para a direita antes de cair ‘.
    http://g1.globo.com/rj/sul-do-rio-costa-verde/noticia/2017/01/aviao-de-teori-deu-voltas-e-fez-curva-brusca-antes-de-cair-diz-testemunha.html

    Jornalista do Uol também entrevistou pescadores que testemunharam a queda:
    http://www1.folha.uol.com.br/paywall/login.shtml?http://www1.folha.uol.com.br/poder/2017/01/1851573-testemunha-diz-ter-visto-fumaca-saindo-do-aviao-de-teori-zavascki.shtml

  18. Valter disse:

    É impressionante e intrigante como as pessoas nunca fazem sequer uma investigação básica antes de tirar suas conclusões… Há claramente um bug no site. Além do mais, o tal site não faz nada mais do que mostrar a foto dos aviões: ele não permite visualizar rotas, horários de pouso e decolagem, etc. O pico de visualizações provavelmente se deu no dia do acidente, mas por um erro na base de dados, foi registrado no dia 3 de janeiro. Inclusive, os primeiros print screens da página mostram um número menor de visualizações no dia 3 (em torno de 1200), o que evidencia um problema no site.

  19. Dalmo disse:

    Auler
    Da uma olhada nas views do dia 19/1 (data do acidente).
    Parece que tem um bug na base desse site.
    Você vai achar esse erro nas fotos de outros aviões também.
    Mas que a morte do Teori foi estranha foi. Sigamos investigando…

  20. […] Fonte: O estranho interesse pelo PR-SOM LJ-1809, em 03/01/2017 | Marcelo Auler […]

  21. Rogerio Maestri disse:

    Teoria da conspiração é quando se pega um fato ocorrido e sem nenhuma outra evidência se cria uma teoria sobre este fato. No momento que se acha alguma coisa estranha, não usual, ou seja algo que está fora do local deixa de ser uma teoria da conspiração para ser indícios de uma conspiração, logo estes acessos por nada para olhar simplesmente um avião que por acaso era o avião que caiu, começa a cair a hipótese de uma Teoria da Conspiração para se tornar uma conspiração real.
    .
    Chamo a atenção que conseguir postergar a queda de Temer por mais uns dois meses significa bilhões de dólares que serão vendidos ao exterior.
    .
    Motivo já tem, suspeitos já existem, pequenos indícios aparecem e agora o que é Teoria da Conspiração?

  22. Caro Auler,

    Não tem nada de paranoia nem teoria da conspiração. Está claro que não foi acidente.

    Além de melar a Lava-Jato para os políticos com foro (o que já se pode considerar feito), o acidente foi um recado dos golpistas ao pessoal da justiça:

    “Olha do que somos capazes de fazer com um ministro do STF. Fiquem espertos, pois promotor, juiz ou delegado que queira brincar de bandido e mocinho com a gente pode sofrer um ‘acidente’ a qualquer momento. Parem onde estão, pois a lava-jato é para empresário e gente do PT, pra nós, não”

    • Paulo Jorge disse:

      Afirmativo Wilton! Esse acidente foi a mais dura das ameaças feita ao Estado Democrático de Direito. Não vejo esses acidentes com aqueles que tem ficha suja, mas somente com os comprometidos com a justiça e amor à pátria. O Brasil torce para que nessa batalha, o bem vença o mal.

  23. Emilia Mendonça disse:

    Hipóteses conspiratórias, de um lado, e o “tudo indica” que “foi sim uma fatalidade”, do outro, é prudente conferir quem conhece muito bem os labirintos do Império!

    http://www.paulcraigroberts.org/2016/08/24/the-term-conspiracy-theory-was-invented-by-the-cia-in-order-to-prevent-disbelief-of-official-government-stories/

  24. Bruno disse:

    O mais provável é que a base de dados desse site esteja incorreta e o pico de acessos tenha sido no próprio dia do acidente (19 jan). Vejam por exemplo esta outra foto, de um jumbo de carga que caiu no Quirguistão em 16 de janeiro: http://www.jetphotos.net/photohistory.php?id=8420715. Reparem que tem um pico de acesso no dia 15.

    • Wellington Lima disse:

      Também achei estranho ter zero visualização exatamente no dia 19.
      Parece que a explicação do Zé Simão é mais coerente: “o Brasil pisou num despacho”.
      Com todo o respeito.

      • Cristiano disse:

        Concordo mas reparem que as visitas totais bombaram sim!! Tinha 2802 no post original entrei agora pouco tinham 21894. Parece que o detalhamento por data não é em tempo real e pode haver erro de data mas teria que ter uma consistência nos dias próximos a data do acidente como aconteceu no outro caso do quirguistão. Vamos aguardar nos próximos dias se a rotina de detalhamento executa e corrige ou nos fornece mais dados.

    • Jamil disse:

      Bruno, acho que faz sentido a sua colocação. Mas não deveria haver mais visualizações nos dias seguintes ao acidente, mesmo que com a data errada? Aliás, o número de visualizações está em 0 do dia do pico até hoje, o que também é estranho. Imagino então que possa ser um erro, mas não necessariamente este da data trocada, concorda?

Deixe uma resposta

O Blog não faz censura ideológica, removemos comentários que façam ingerência na vida íntima das pessoas – que não sejam pertinentes à postagem – assim como denúncias que não temos como comprovar. Também será excluído palavreado chulo. Entendemos que em determinados casos as pessoas usem pseudônimos para manter sua privacidade, o Blog, em uma atitude de cautela, não permitirá que pseudônimos diversos sejam utilizados pelos mesmo remetente. Detectados estes casos, os comentários serão removidos.

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>