Ricardo Teixeira e a Justiça brasileira
4 de junho de 2015
“O interesse social (…) sobrepõe-se a eventuais suscetibilidades”
7 de junho de 2015

Novo comando da EBC

Marcelo Auler

Maro Maurici de Lima Morais

Maro Maurici de Lima Morais

Não será surpresa para este blog se jornalista e administrador de empresa, Mario Maurici de Lima Moraes vir a assumir a presidência da Empresa Brasil de Comunicação – EBC/TV Brasil. A mudança do comando da estatal de comunicação pública acontecerá, em agosto, quando vence o mandato da atual diretoria.

Maurici é o “sonho de consumo” do ministro da SECOM, Edinho Silva, para pilotar a problemática estatal dedicada à comunicação pública. Os dois são amigos de longa data. Sem contar o fato que Maurici é um dos quadros históricos do PT paulista. Ele e o pai já foram prefeitos de Franco da Rocha. Cidade da região metropolitana de São Paulo, que, por sinal, hoje, é governada por Kiko (Francisco Daniel) de Morais, filho de Maurici.

Há quatro anos,Maurici preside a não menos gigantesca e complicada CEAGESP, o terceiro maior entreposto de perecíveis do mundo. Localizada na Vila Leopoldina, uma região valorizadíssima de São Paulo,a central de abastecimento será transferida para uma área, nas cercanias do Rodoanael. Neste exato momento, é Maurici quem comanda esse processo de mudança. Uma iniciativa que vai durar, pelo menos,  cinco anos.

Ele já trabalhou na TV Brasil, no período de sua implantação. Conhece bem o tamanho da encrenca que irá enfrentar. Por isso, tem sido reticente ao assédio do amigo ministro. Mas, no Planalto o nome dele é dado como pule de 10.

Maurici virá com o desafio de tirar a emissora pública da letargia em que se meteu nos últimos quatro anos. Com audiências sempre próximas do zero e gastos anuais na casa dos R$ 600 milhões, o conglomerado de televisão, rádio e agência de notícias existe única e tão somente para manter a folha de pagamento de seus 2.600 funcionários. Virou uma daquelas muitas empresas públicas existentes no País que vivem exclusivamente para dar comer á sua corporação.

1 Comentário

  1. paulistana disse:

    hoje temos thassia alves (pretensa primeira dama de sp) na sua folha de pagamento, custando 12.500 por mes, ela eh mulher de ex ministro petista!!!

    fora pt!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *